domingo, 6 de abril de 2014

A Casa de Chocolate - Francilangela Clarindo




Adoro Literatura Infantil! E ler A Casa de Chocolate foi como voltar as lembranças de infância... Sempre fui uma criança muito leitora, por isso devorei milhares de livros durante meu período de alfabetização. Ao ler o livro da Francilangela Clarindo senti o cheiro gostoso de infância... Imaginei o carinho que a autora deve ter dedicado a construção de cada pedacinho do texto.

A história nos conta como dois irmãos gêmeos, Davi e Levi, agem de forma tão diferentes. Tudo inicia no aniversário de doze anos de ambos. Cada um escolhe um presente: Lucas escolhe um Play Station e Davi, por ser mais meigo, escolhe uma casa feita de chocolate. Davi decide receber o presente somente no dia do aniversário. Mas então acontece algo que ninguém podia imaginar...

Um bom livro para crianças em fase de alfabetização precisam ter ilustrações bem coloridas e claras, letras de forma e bem grandes. Uma capa chamativa ajuda muito o interesse da criança. E todas essas características fazem parte do livro. O carinho que o ilustrador Jota Cabral deu para seus desenhos é bastante visível. A editora APEDzinha caprichou da edição do livro.

Mas e o texto? O enredo é bastante interessante. Percebi claramente a seqüência dos fatos, ponto importante para a compreensão das crianças. Os personagens, apesar de parecem simples, não são. Pois há uma boa surpresa no fim que demonstra que os personagens são redondos. Apreciei bastante o final, apesar de que achei que o tom moralizante ficou muito forte. A história estava tão interessante que senti falta de um desenvolvimento maior depois da festa. Acho que a autora ainda poderia ter trabalhado mais a relação dos meninos depois do evento. Através da reação de Davi poderia ser sido melhor visto a ideia do final. Fiquei com vontade acompanhar os meninos pequenos por mais um tempinho...


A experiência foi muito interessante. Fazia um tempo que não lia obras infantis. A Casa de Chocolate me lembrou João e Maria. Será que o Davi também gosta dessa história? Agora estou bastante interessada em conhecer as demais obras da autora, principalmente Entre Quatro Paredes!

6 comentários:

NeyaRa disse...

Adorei a resenha, também quando recebi esse livro me recordou minha infância, e lembrou o quanto esses livros são mágicos, histórias simples, mas cheia de significado.

Beijo

Andersson Lima disse...

Ótima resenha. Amei o olhar de pedagoga sobre a história!

Luiz Santos disse...

Muito boa a sua resenha Anna. Fiquei curioso para ler a obra!

Francilangela Clarindo disse...

Lua, obrigada! Agradeço de coração o carinho. Beijinhos!

Ilustrador Jota Cabral disse...

Fico muito agradecido pela citação do meu nome nesta incrível obra da minha amiga Francilângela Clarindo. Foi feito, sim, com o maior carinho, bem como tudo deve ser feito, sobretudo às crianças. O meu abraço e votos de sucesso ao blog. Jota Cabral

Jéssica S. S. disse...

Gosto muito de livro infanto-juvenil e deve ser delicioso voltar a ler livros que dê este gostinho de infância.
Desejo ótimas leituras!
Beijo,
Jéssica, d´O Feminino dos Livros.

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

© 2011 Viagens Esquizofrênicas a Lua, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena